Campinas, meu amor!


Toda vez penso em me mudar. Sempre me pergunto ~e obtenho~ uma lista de porquês.
Por que eu não quero ficar? Por que Campinas não me representa? Olha, são vários os motivos que me fizeram desistir dessa cidade. E posso fazer uma lista enooorme. Qualidade de vida é um deles. Cultura é outro. Calor sem praia, outro.
Casa Simples, provavelmente um sítio. Hoje no meio da cidade.
Campinas é uma cidade com pouca tradição cultural, é um interior que cresceu pracaramba e ficou com cara de cidade grande. Ficou com o ruim da cidade grande e com o ruim do interior. A gente acabou de ter o único cinema de Arte fechado por falta de verba e nenhum apoio oficial veio para mantê-lo ... 
Remanescente no Cambuí (Bairro de classe média alta campineira)


Centro
Centro
      



Uma das coisas que mais me incomoda na cidade é o descaso com a memória e a história. Campinas teve um passado glorioso de fazendas de café e tem tinha uma arquitetura linda, linda. Pura história. Nos vinte anos que morei aqui, vi os casarões serem derrubados um a um, as casas da antiga classe média abastada irem se decompondo por falta de cuidado. O centro, que era todo composto por remanscentes de arquitetura do seculo XVIII  ir se transformando em um amontoado de galpões. Eu fico triste. Eu fico TÃO triste que toda vez que um novo casarão se vai, eu quero me mudar. Há 12 anos, quando tivemos um prefeito do PT, o saudoso Toninho, arquiteto e socialista,  com um projeto de recuperar e cuidar da arquitetura histórica da cidade, entre outros, e que foi assassinado brutalmente no meio do mandato, toda a esperança morreu. Morreu porque as forças do capital nessa cidade são imensas e são, realmente, muito poderosas e passam por cima de literalmente tudo com seu trator desenvolvimentista.


                                               
"Quem Matou Toninho?" é o nome do movimento , iniciado pela esposa, que não aceita a versão da polícia de assalto-seguido-de-morte. Ninguém aceita. É aquele tipo de versão "não vamos mais falar no assunto, não insista" feita pra salvar as costas de alguém com muito, muito dinheiro. Não duvido.
Enfim, de Campinas , eu só espero mais trator, mais galpões, e não quero estar aqui para ver o resto ruir. Eu tenho uma vida só e quero escolher como vivê-la, rsrsrsr.  Sinto muito. Sim, eu sinto muito porque fazer parte dessa Campinas, meu amor! tem sido bacana. E eu gostaria de poder ajudar. Mas eu e minha analista temos trabalhado com a questão das prioridades da minha vida rsrsrsr e  já entendi que tenho limites e que por mais que eu queira que a Campinas que Toninho e todos nós sonhamos tivesse dado certo, ela não deu. E não vai dar. E eu não vou ficar aqui me entristecendo com isso!





Postar um comentário

Postagens mais visitadas