Meu corpo me pretence.

Em uma aula de teatro pro ensino médio técnico,  consegui entender (enfim) aquela questão do domínio sobre o corpo feminino...
Ninguém fica medindo o corpo dos meninos.
Quando eles levantam o braço, ninguém quer saber se eles estão depilados ou não.
Ninguém faz comentariozinhos sobre a roupa , o cabelo, o dedão do pé dos meninos...
As meninas ficam receosas em se mover...o monitoramento do corpo é constante...
Ah, não preciso dizer que foi uma epifania ,né?
Depois de muuuito ler, de repente eu entendi. Eu juro que não entendia. Quer dizer, entendia assim, intelectualmente. Mas a coisa é forte, muito forte. É uma camisa de força. Uma tentativa de segurar, tolher, dominar. É preciso lutar contra isso, muito.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas