Intolerância Racial

Minha cachorra, a Lua, que é Pastora misturada com Vira, é uma fofa: muito doce, amiga das crianças e ótima guarda...pena que tem  uma certa intolerância a gatos.
 Depois de aparecer com muitos e muitos gatos entre os dentes ( que EU tive que enterrar, e depois ela desenterrar, e eu enterrar de novo) já estava me sentindo participante de um genocídio ( tá, gaticídio), e isso não estava sendo lá muito legal.
Da última vez que a Lua apareceu com um gato na boca, sem pensar duas vezes, taquei o pé na cachorra e dei-lhe um empurrão....eu sei, eu sei... é absolutamente óbvio.... saí da história com um gato agarrado no meu pé. Infeliz.


Finalmente meu pé cicatrizou e eu posso comentar e até achar graça da situação.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas